Prosap dialoga com Associação do Bairro dos Minérios sobre transposição de horta local

publicado: 22/09/2022 18h20

Horta do bairro será remanejada em decorrência das obras do Parque dos Minérios, iniciadas neste mês de setembro

Priorizando o diálogo com as comunidades afetadas pelas obras, na manhã desta quinta-feira, 22, a equipe do Programa de Saneamento Ambiental, Macrodrenagem e Recuperação de Igarapés e Margens do Rio Parauapebas (Prosap) esteve reunida com a Associação dos Moradores do Bairro do Minérios para dialogar a respeito da necessidade de remanejamento da horta local.

A reunião teve a participação da presidente da associação, Divanete Soares de Brito e mais outros quatro associados. Ao todo, a horta do bairro conta com oito associados que trabalham cultivando alface, coentro, cebolinha, couve, macaxeira, pepino, pimentas malagueta e de cheiro, utilizando técnicas de hidroponia e cultivo tradicional de culturas que possuem ciclos curto e semiperene.

A subcoordenadora de Ações Sociais do Prosap, Eulália Almeida, explicou o objetivo da reunião. “Dialogamos sobre o parque que será construído lá nessa área. Trata-se de uma área pública que foi doada por meio de concessão para que eles pudessem desenvolver a horta comunitária e como a obra [Parque dos Minérios] vai passar bem próxima, estamos negociando para transferi-los para uma outra área, dando todo o suporte necessário”.

“Inicialmente, a horta não seria remanejada porque o Prosap sabe dessa relação da comunidade com o local. Porém, após análises da engenharia de infraestrutura foi verificado que não há a possibilidade de os associados continuarem trabalhando à medida que a obra avança, por isso, vamos precisar remanejá-los. Eles serão realocados para uma área também dentro do próprio bairro e terão toda a estrutura que já tinham”, disse Luana Borges, engenheira civil do Setor de Desapropriação do Prosap.

Segundo a engenheira civil, também estão sendo analisadas possíveis soluções que possam repor futuras perdas financeiras aos associados que trabalham diretamente com a horta, até que eles consigam se estabilizar na nova área.   

A presidente da associação, Divanete Brito, descreveu a reunião como esclarecedora e se disse satisfeita com as informações.  “Eu vejo um projeto [Parque dos Minérios] que vai beneficiar a comunidade e a gente nunca foi contra isso. A mesma estrutura que a gente tinha, vai ter na outra, e pelo que eu entendi é pra logo, será rápido. Eu gostei da reunião e creio que os meus companheiros também, foi esclarecedora. Estamos satisfeitos”, enfatizou.

Texto e Fotos: Nara Moura – Prosap

Assessoria de Comunicação – PMP