Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência é comemorado com inauguração do Centro Dia em Parauapebas

publicado: 22/09/2022 12h47

Mais um cronograma de ações sendo cumprido durante as comemorações da 14ª Semana de Luta pelos Direitos da Pessoa com Deficiência. A população de Parauapebas recebeu na última quarta-feira, 21, por meio da Secretaria de Assistência Social (Semas) mais um espaço de convivência, dessa vez, voltado para as pessoas com deficiência física seja de nascimento ou adquirida, deficiência intelectual e idosos.

O Centro Dia chega com o objetivo de contribuir para que este público evite o isolamento social, o abandono, ampliando a necessidade de acolhimento e apoio. Dentro dos serviços oferecidos estão ações preventivas, atividades lúdicas, apoio à saúde, atendimento psicossocial que contará com profissionais como assistente social, psicólogo, terapeuta ocupacional e dez cuidadores sociais. As atividades incluídas estão o canto, desenho, yoga, artesanato, jogos de lazer como carteado, dominó, dama, xadrez, entre outros, caminhadas, oficinas artesanais e etc. A intenção do governo municipal é ampliar a inclusão do público PcD e dos idosos ao meio social de forma humanizada.

“O Centro Dia veio para oferecer esse apoio moral, psicológico às pessoas com deficiências, seja física ou intelectual. Tem pessoas que nascem deficiente, outros que se tornam deficientes no decorrer da vida, então precisam de toda uma reabilitação e muito apoio por exemplo. Uma pessoa que venha perder uma visão, audição ou ficar paraplégico, tetraplégico  numa cadeira de rodas, deseja ter condições de se reestruturar e de ter uma vida normal. Aqui será um lugar de esperança para essas pessoas e estamos muito felizes”, detalhou o gerente do Departamento de Ações da Coordenadoria Municipal da Pessoa com Deficiência ( Comped), Geová Botelho que também é cadeirante e finalizou agradecendo ao governo municipal por está proporcionando à população mais acessibilidade e  inclusão.

Os idosos terão acompanhamento psicológico em grupo, individual e sempre com o amparo de uma auxiliar de enfermagem

 Os atendimentos serão voltados aos que tenham idade 18 a 59 anos de idade, PcD e aos idosos incluídos no programa de Benefício de Prestação Continuada, (BPC) cujas famílias recebem o benefício federal do Bolsa Família. Entre as atividades incluídas, estão palestras de estética e higiene pessoal, higiene bucal, DST/AIDS, 3ª idade e Estatuto do Idoso, formas de cuidado e integração social. O Centro Dia está localizado na rua 04, 196, no bairro Cidade Nova de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

“O dia 21 de setembro é o Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência e por isso escolhemos esta data para entregarmos à população Centro Dia. Neste lugar vamos cuidar, acolher e oferecer apoio não só às pessoas com deficiência, mas também para as famílias. Essa unidade, será mais uma que integra a rede de atendimento oferecida pela Semas, que começa desde os CRAS e Creas, os serviços da Comped e a Central de Libras, temos a capoterapia voltados aos idosos, com isso a gestão entende prioriza cada vez mais os PcD’s e idosos”, afirmou a secretária de Assistência Social, Vânia Monteiro.

“O serviço especializado para pessoas com deficiência, é um serviço de média complexidade fornecido por meio do Sistema Único de Assistência Social (Suas), e o Centro Dia chega para cumprir e fazer cumprir essa determinação. Vamos construir um cronograma para o desenvolvimento das atividades e os casos identificados, isso poderá tanto aqui no próprio Centro Dia, ou em alguns casos não havendo possibilidade do deslocamento até a unidade, a equipe deverá ser deslocar ao domicílio das famílias”, informou a gerente Aline Sena.

A inauguração contou com a presença do público e de várias autoridades políticas do município de Parauapebas, entre elas, o prefeito Darci Lermen.” O Centro Dia chega para cuidar daquelas pessoas que mais precisam. São as pessoas que realmente tem necessidade de ter um espaço onde possam conversar, se encontrar e praticar alguma atividade. Esse espaço é o a segundo do estado, segundo as informações é o primeiro do interior do Pará,  certamente vai inspirar outros municípios a praticarem essa atenção,  tanto aos  idosos como para as pessoas com deficiência”, finalizou o prefeito de Parauapebas.

Fórum Municipal com o tema: Rede de Proteção dos cuidados da Pessoa com Deficiência

Ainda seguindo a programação da Semana de Luta pelos Direitos das Pessoas com Deficiência, no mesmo dia foi realizado no Centro Universitário de Parauapebas( CUEP), o Fórum Municipal com o tema sobre a Rede de Proteção dos cuidados da Pessoa com Deficiência” que aconteceu na manhã da última quarta-feira (21). Entre os convidados para o debate público estavam representantes da Comped, do Conselho Municipal de Pessoa com Deficiência e representantes da Secretaria Municipal da Saúde (Semsa).

Um dos objetivos deste seminário foi para discutir e levar ao conhecimento da sociedade sobre o fluxo e as diretrizes de como os serviços da inclusão da pessoa com deficiência acontecem no município de Parauapebas e a integração entre as secretarias municipais para fazer cumprir os direitos do público PcD e como a sociedade civil e o setor público podem atuar nas melhorias de ações, projetos e acolhimento no dia a dia destes grupos.

Texto: Cleidi Rodrigues / Ascom – PMP

Fotos: Natália Castro / Ascom – PMP